Dicas para melhorar o seu CD

By 5 de maio de 2020Artigo Diagma

Para se manter competitivo na cadeia de suprimentos, um Centro de Distribuição precisa lidar com dois pontos básicos: organização e velocidade.

Para se manter competitivo na cadeia de suprimentos, um Centro de Distribuição precisa lidar com dois pontos básicos: organização e velocidade.

Esses dois itens vão ser fundamentais quanto a ordem é deixar os clientes satisfeitos com entregas corretas e no prazo.

Para que isso seja possível em um CD, vamos abordar 10 dicas imprescindíveis para um planejamento adequado das tarefas no ambiente:

1 – Evite os acúmulos

Os acúmulos  podem gerar impactos negativos no resultado financeiro de um CD, porque podem causar:

  • Maior risco de misturas e extravio de produtos;
  • Concentração de colaboradores em um mesmo ambiente, o que pode resultar em congestionamento de ruas e conversas paralelas que vão derrubar a produtividade no CD;
  • Necessidade de controles de inventário e conferências repetitivas;
  • O gargalo provocado pelo acúmulo pode gerar tempo improdutivo dos colaboradores.

Os acúmulos nos CDS precisam ser sanados, para identificá-los é possível criar estoques intermediários. 

2- Minimize o manuseio

Quanto mais pessoas se envolvem na manipulação de um produto, mais chance há de as informações daquele produto se perderem porque provocam oportunidades para:

  • Avarias;
  • Extravios;
  • Alocações erradas;
  • Retrabalho;
  • Falhas por fadigas.

Para que o excesso de manuseio não ocorra, é preciso integrar as tarefas necessárias. 

Esse procedimento vai evitar o estoque intermediário e permitir a formação de uma equipe multifuncional, que vai garantir o mínimo de manipulação do produto.

Dicas para melhorar o seu CD

3 – Possibilite menos deslocamentos

Os deslocamentos costumam representar mais de 30% do tempo de um separador de produtos ou pedidos.

Para evitar que os deslocamentos excessivos causem perda de tempo, é preciso:

  • Posicionar os itens de forma estratégica, por exemplo, coloque mais à mão os produtos de movimentação rápida;
  • Criar corredores e túneis;
  • Investir em métodos de separação que se encaixem melhor no nicho de negócio: multipedidos, pedidos, lote ou onda.

Realizar esse layout correto, que vai permitir que os produtos também fiquem organizados de acordo com suas demandas, vai possibilitar uma economia preciosa de tempo.

Dicas para melhorar o seu CD

4 – Entenda melhor a carteira de pedidos

Entre alguns métodos para reduzir os deslocamentos e garantir mais produtividade no CD, estão a setorização e criação de zonas de trabalho.

Essa setorização é viabilizada por meio do conceito de category management, que vai agrupar itens de produtos que têm afinidade entre si e incentivar e facilitar as compras. Podem ser itens de qualquer setor, como higiene e beleza, farmácia, cosméticos ou até alimentação e cozinha. Por exemplo, pó de café e filtro ou macarrão e molho de tomate.

As compras realizadas com o conceito de category management também garantem a diminuição do prazo médio de entrega de fornecedor.

5 – Promova engajamento dos colaboradores

Os colaboradores que mais conhecem o operacional dos CDs são os separadores, conferentes e operadores. São eles que estão mais integrados no local real de trabalho.

Para que eles se engajem no processo, realize reuniões diárias, grupos de trabalhos e sínteses mensais. 

Pode ser interessante também a promoção de gerentes de linha de frente, que vão ter um maior entendimento das necessidades individuais de cada um dos colaboradores operacionais e os recursos de treinamentos necessários para o sucesso do CD.

Esses profissionais que são responsáveis por essa execução também podem ser envolvidos no trabalho do CD com indicadores de desempenho e participação nas decisões e mudanças de processos.

Dicas para melhorar o seu CD

6 – Sistemas de informação devem ajudar e não definir

Embora a tecnologia digital possa eliminar suposições do gerenciamento de estoque e armazém e promover uma coleta de informações mais rápida e fácil, é importante realizar a análise do negócio e suas particularidades antes de adquirir os sistemas de informação. Nem todo ERP, WMS ou TMS estarão adaptados ao nicho de negócio do CD.

Para explicar melhor:

ERP: o Sistema Integrado de Gestão Empresarial vai interligar dados e processo de uma organização em uma única ferramenta.

WMS: o Sistema de Gerenciamento de Armazém é um software de gestão de estoques e pode ser uma parte importante da cadeia de suprimentos, fornecendo a rotação de estoques, diretivas de picking, consolidação automatizada de cross-docking, entre outros processos. 

TMS: o Sistema de Gerenciamento de Transporte e Logística tem o objetivo de melhorar a produtividade e qualidade de todo o sistema de distribuição.

Então, para ajudar nas informações repassadas a esses sistemas, mantenha um banco de dados:

  • Padronizado;
  • Completo;
  • Rigoroso;
  • Com prazos estabelecidos;
  • Consistente entre os diversos sistemas utilizados.

Essa análise do banco de dados será um início muito promissor para o sucesso de um projeto.

7 – Confira a produtividade de cada tarefa

Garantir a produtividade satisfatória de cada atividade também vai garantir uma boa produção. Não há dúvida que a medição de desempenho de um colaborador é fundamental para o sucesso de um Centro de Distribuição. 

Mas fica difícil melhorar algo que não foi medido, por isso, neste ponto é que os KPIs (ou indicadores-chave de desempenho) vão indicar os pontos necessários e críticos, ou seja, é preciso conhecer as linhas de base.

Para conferir essa produtividade:

  • Monitore os índices de hora em hora;
  • Tome ações para evitar as quedas de produtividade;
  • Escolha os indicadores adequados, que devem refletir as dificuldades de cada atividade realizada dentro do CD.

Dicas para melhorar o seu CD

8 – É preciso ter uma maestro no CD

Assim como uma orquestra que precisa de um regente para indicar a nota certa e o instrumento que deve entrar em determinado ponto de uma música, o CD também precisa de um profissional que faça essa regência. 

Essa orientação de movimentos vai permitir aumento da produtividade e redução da falta e produtos e estoque.

O maestro deve definir quando usar a Operação Empurrada (Push System) ou a Operação Puxada (Pull System). Entenda:

Operação Puxada: é um sistema no qual cada ciclo da fabricação puxa a etapa anterior. Por exemplo, abastecer apenas as caixas necessárias para as próximas horas de separação, ou seja, a ordem de produção vai sair a partir da demanda de clientes para então ser produzida.

Operação Empurrada: é um processo produtivo baseado em previsão de demanda.  Por exemplo, abastecer todas as caixas necessárias para completar a carteira de pedidos inteira, independente do consumo do próximo processo.

A melhor orientação é sempre dar preferência para a operação puxada, porque vai necessitar de sistemas de controle simples e inventário mínimo. É mais dinâmica e vai reduzir ou até eliminar estoques.

Porém, a operação puxada tem também outras vantagens e desvantagens de acordo com o momento.

  • Ondas grandes: fila de espera, acúmulos, baixa produtividade e menor acurácia de estoque.
  • Ondas pequenas: permite maior flexibilização na priorização de tarefas.

9 – Faça previsões de demanda

Para entender melhor a previsibilidade do fluxo, é preciso buscar análises das demandas do nicho de negócio do CD de acordo com cada época do ano.

Para isso, é possível utilizar estimativas do setor comercial e histórico de vendas de períodos anteriores.

Com essas análises, será possível evitar perdas e desperdícios ou até mesmo a falta de estoques.

10 – Segurança é fundamental

Em um Centro de Distribuição é muito importante facilitar o trabalho dos colaboradores para reduzir as taxas de turnover e aumentar a produtividade.

Com mais segurança, todos ganham:

  • Reduz a possibilidade de danos à integridade física e mental;
  • Evita danos ao patrimônio da empresa;
  • Gera ambiente saudável e produtivo.

 

Leave a Reply

    10 Dicas para melhorar o desempenho do seu
    centro de distribuição





    ×

      8 Dicas para melhorar a sua previsão de demanda




      ×

        10 Dicas para otimizar seu estoque
        e melhorar o serviço ao cliente




        ×

          10 Dicas para reduzir seu custo de frete




          ×

            10 dicas para posicionar os produtos
            em seu centro de distribuição




            ×

              8 Dicas para otimizar a sua necessidade de capital de giro




              ×

                10 dicas para aplicar a metodologia
                ágil em seus projetos de Supply Chain





                ×

                  A chegada da Supply Chain digital




                  ×

                    As oportunidades para Supply Chain ainda são enormes




                    ×

                      Apesar de a era digital estar cada vez mais consolidada




                      ×

                        Material Ecommerce




                        ×

                          Previsão de demanda




                          ×

                            Desenho da rede de distribuição e construção




                            ×

                              Master data management




                              ×

                                Aumento da produtividade operacional




                                ×

                                  Implantação do serviço de atendimento ao consumidor




                                  ×

                                    Warehouse managament system - WMS




                                    ×

                                      Transformar a logística interna das lojas




                                      ×

                                        Desenho da rede de distribuição




                                        ×

                                          Transformar e adaptar a Supply Chain




                                          ×

                                            Desenho do centro de distribuição




                                            ×

                                              Terceirização das operações logísticas




                                              ×

                                                ME B2B Summit - Sustentabilidade em Compras




                                                ×
                                                SSL Encrypted Copyright © 2019 Todos os direitos reservados.